• Juliana Duarte

7 dicas para uma mudança tranquila

Você já passou por uma mudança? Ou melhor, você já passou por alguma mudança, que foi um processo traumático para você? É normal as pessoas quererem se mudar de apartamento ou casa, ir para um lugar que acomode melhor seus novos hábitos ou a chegada de um novo membro na família, e realmente é um momento muito gostoso, saber que você viverá, agora, com ainda mais conforto e bem estar e um ambiente que realmente irá atender as suas novas necessidades. Mas só de pensar no processo da mudança, em algumas situações, as pessoas acabam pensando duas vezes antes de fazê-la.



Realmente é um período de muito trabalho, e principalmente um momento em que você irá analisar de perto os seus pertences, separando-os em categorias como: doação, lixo, itens que talvez precisem de ajuste ou manutenção e os itens que seguirão com você para a casa nova. Algumas pessoas têm bastante dificuldade nesse momento de organização e desapego... E pensando nisso, separamos algumas dicas que damos aos nossos clientes para te ajudar, e garantimos que com essas dicas que iremos te passar aqui, será possível passar por esse período com mais segurança e menos stress!


Faça listas!


Para começar, nossa primeira dica pode parecer um pouco óbvia, mas ela é de extrema importância nesse momento em que você terá muita coisa para organizar, vários prazos que você terá que obedecer para que tudo ocorra bem e você consiga executar as tarefas com tranquilidade.

Faça listas com todos os afazeres:

- pesquisar empresas de mudanças, e se possível ter indicações deste serviço. Pode parecer bobagem mas um serviço displicente pode acarretar em geladeiras arranhadas ou até mesmo amassadas, móveis batidos... enfim podem te dar um grande prejuízo;

- agendar mudança;

- a empresa que irá fazer sua mudança fornece as caixas? Não? Procure locais que aluguem caixas plásticas, ou providencie caixas de papelão;

- se sua mudança for para um apartamento, é importante se certificar sobre as regras do prédio para mudanças, dias e horários em que é permitido e principalmente avisar ao prédio a data que a sua mudança foi agendada, para que não haja imprevistos no dia;

- é interessante também verificar as regras do seu atual prédio para mudanças, e também é fundamental comunicar o dia em que será a saída da sua mudança;

- avisar o porteiro ou seus vizinhos sobre o novo endereço, e deixar com eles o seu telefone para que você seja avisado sobre correspondências que ainda cheguem no seu antigo apartamento.

Esse é um pequeno exemplo dos afazeres que você deve listar para não esquece-los durante o período da mudança.


Não deixe para última hora


Comece embalando os itens que você não usa com frequência como: Livros, DVDs e CDs, roupas que não sejam da estação, roupas de cama e alguns itens de cozinha podem estar nesta primeira leva de itens à serem empacotados.

Uma dica muito bacana é: utilize malas de viagem para empacotar livros, CDs e DVDs, são itens pesados e por conta das rodinhas irá facilitar bastante o deslocamento durante a mudança.

Se programe para avisar a troca do endereço das suas correspondências nas empresas responsáveis.


Pratique o desapego


Essa etapa pode ser difícil para muitas pessoas, mas ela é extremamente importante nessa fase. Se você já não usa a bastante tempo, ou até havia se esquecido de tal item, porque leva-lo para sua casa nova? Levar um item que você não usa pode te custar dinheiro na mudança e irá ocupar um espaço que poderia ser útil na sua nova casa. Pense bem... Doe para quem precisa, se não for mais útil, jogue fora! Renove as energias do seu novo lar.


Separe itens essenciais


Nem tudo que você irá empacotar, precisará sem desempacotado na sua casa nova logo que você chegar. Mas terão itens que você irá precisar logo que fizer a mudança, por isso a nossa dica é que você separe estes itens em uma caixa e identifique-a para que quando você chegar na casa nova, seja fácil de achar e desempacotar.

Identificar é fundamental!


Identificar as caixas é fundamental para quando você chegar na sua casa nova. Aqui daremos duas dicas fundamentais para que você não fique perdido em meio a tantas caixas!

Identifique cada ambiente da sua casa nova com cores, exemplo: cozinha (verde), sala (azul), quarto casal (roxo), quarto do bebê (amarelo), banheiro (laranja)... e assim conforme for empacotando os itens de cada ambiente, identifique a caixa com a cor do ambiente em que os itens de dentro dela irão pertencer. Isso ajudará bastante na hora de separar as caixas por ambiente.

Outra identificação bacana para fazer é, dentro de cada ambiente, separar as caixas por prioridade de desempacotamento, ou seja, colocar além da cor do ambiente a prioridade A, B e C. As caixas identificadas com A, serão as primeiras à serem desempacotadas, são itens que você usa mais no dia a dia. As marcadas com a letra B são itens importantes mas que não são essenciais e as caixas identificadas com a letra C serão as caixas abertas por último, ou seja a menor prioridade. Estas dicas são muito importantes para que você consiga se organizar e saiba por onde começar a organizar a sua casa nova!

E não esqueça de montar uma folha com as suas legendas para que todos possam saber, assim o pessoal da mudança pode já colocas as caixas nos ambientes certos. Isso irá te ajudar bastante!


Reserve um cômodo


Tenha um ambiente da casa destinado a “bagunça”, tente concentrar toda ela em apenas um local para que você não tenha a sensação de que a casa inteira esta inabitável.

Tenha um plano!


Antes de começar a desempacotar tudo sem planejamento, organize as suas caixas que já estão identificadas, escolha um ambiente por vez para organizar. Comece pela prioridade “A” e só vá para o próximo quando as caixas “A” estiverem organizadas. Depois recomece o processo pela “B” e por fim as “C”. Isso é importante para que você não perca o controle sobre a situação.


Esperamos poder ter ajudado a planejar esse momento tão especial!


Essas dicas foram importantes para você? Tem mais alguma dica bacana para nos passar? Conte para a gente nos comentários ou nos envie um e-mail para contato@essaarquitetura.com.br e aproveite para deixar suas dúvidas e sugestões, elas podem virar um post aqui no blog!

Não se esqueça de nos ajudar respondendo a nossa pesquisa!